fbpx

A Desconstrução da Família

Este é somente um exemplo de tantas outras ações que estão sendo feitas para desconstrução da família. Assista ao vídeo logo abaixo.

No “Manifesto Comunista” de 1848, Karl Marx propõe a abolição da família e posteriormente Friedrich Engels escreve um livro onde propõe também que seja destruída a família tradicional, homem e mulher, casal e seus filhos. Na visão deles, a família tradicional é a causa do surgimento da propriedade privada.

Herbert Marcuse escreve no livro “Eros e Civilização”, que as crianças sejam libertas, do que ele chama de “Logos Grego”. Que seja feita uma revolução da Razão Grega dominadora para uma Razão Hedonista (doutrina filosófico-moral que afirma ser o prazer o supremo bem da vida humana).

O que é proposto no livro? Erotizem as crianças. Erotização, pedofilia, sexo com os pais, com adultos, com animais. Tudo isso está escrito no livro.

Nós estamos assistindo o insistente trabalho de convencimento da sociedade que as crianças devem ter autonomia de “vontade” e autonomia  “sexual” ou de “gênero”. Este é o princípio para a pedofilia que na verdade é um instrumento da revolução comunista.

Erotizar crianças irá gerar adultos que não serão abertos à formação de famílias tradicionais. A mente coletiva está sendo alterada, operado o que a psicologia chama de “criança erotizada”, que têm comprometimento cognitivo. Esta criança terá um desenvolvimento intelectual afetivo aquém do normal. Criando aí o início do fim das famílias tradicionais para as próximas gerações.

O que estamos assistindo na TV e na mídia em geral, é um trabalho constante para diminuição de famílias tradicionais, com índices comprovados. Famílias tradicionais têm fortalecido o conceito da propriedade privada, do lar constituído, do patrimônio construído por gerações e que serão herdados pelos filhos. Este é o real objetivo de desconstrução, atacar a propriedade privada.

As drogas modernas (Ecstasy, LSD, Metiltioanfetamina, Maconha, Cocaína, Crack, Heroína, etc) não eram realidade na época do “Manifesto Comunista” de 1848 por Karl Marx, mas hoje elas existem e também são utilizadas como ferramenta para destruição das famílias e indivíduos “pensantes”.

Fiquem atentos! As coisas são colocadas como propostas de avanço de uma forma muito sutil.

Quando assistimos uma pequena parte de um filme onde aparece um casal feliz passeando num lindo campo, podemos dizer que se trata de um filme de amor. Mas ao assistir o filme completo, desde o seu início, percebemos que se trata de um filme de traição ou mesmo de terror. Com isso, quero dizer que…. um planejamento de desconstrução da sociedade não é feito em dias, ou meses, ou anos… e sim em décadas, fazendo com que nossa visão seja fracionada ou limitada… e não consigamos perceber o TODO, o real OBJETIVO.

Por isso é importante voltar o filme e assistir tudo para conhecer o verdadeiro propósito da mensagem do filme, antes de dizer que se trata de um filme de “paz e amor”.

Assista:

 

1
Olá Salatino. Estou entrando em contato através do WhatsApp disponível em seu site luizsalatino.com.br. Desejo receber em primeira mão todas as notícias e informações relacionadas no seu site. Segue abaixo meu nome e minha cidade.
Powered by