fbpx

Procurador detona Gilmar, Centrão e PT: “Unem-se como urubus à espera da morte da reputação”

O procurador aposentado Carlos Fernando dos Santos Lima, ex-companheiro de Lava Jato de Deltan Dallagnol, comentou a situação atual dos opositores da Lava Jato.

“Está a caminho o oferecimento da cabeça de Deltan Dallagnol em uma bandeja para a satisfação de vilões”, lamentou Carlos.

Para ele, o ministro Gilmar Mendes, o Centrão e o PT “unem-se em torno de mensagens apócrifas e de origem criminosa qual urubus à espera da morte da reputação” de Deltan.

E continua: “O que está por vir é uma blindagem de um modo de relacionamento espúrio entre os três poderes, com a venda constante de apoio político, com a impossibilidade de serem investigadas autoridades e seus familiares. O que está a caminho é um ataque à independência do Ministério Público – um real atentado à Constituição de 1988. Querem afinal, a submissão dessa instituição aos seus interesses, querem que promotores e procuradores continuem processando somente negros, pobres e prostitutas”.

Com informação do Estadão.