fbpx

Qual o objetivo de ensinar o Hino Nacional na escola?


“Em resposta a um ex-amigo comunista.”

O hino nacional é um símbolo da pátria, representa o nosso povo e a valorização do nosso país. Ele tem a letra de Joaquim Osório Duque Estrada e a música de Francisco Manoel da Silva. Surgiu na época da independência do Brasil.

Por não ser trabalhado nas escolas como deveria muitos alunos apresentam dificuldades de entendê-lo. Deve ser trabalhado a letra e seu significado. As palavras que aparecem são da época que foi criado. O vocabulário pertence ao século XIX. É diferente de hoje.

O hino nacional normalmente é cantado nas escolas na época de Copa do Mundo ou Olimpíadas e no resto do tempo normalmente é esquecido. É mais conhecido pela melodia do que pela letra. A maioria das pessoas não sabe o significado da letra.

As crianças também não sabem o porque da Bandeira Nacional e seus símbolos. Falta trabalhar nos ambientes escolares a conscientização da importância dos símbolos da pátria para a história do Brasil.

É importante criar regras neste sentido. Ser obrigatório, assim como matemática ou português. Se for perguntar para qualquer criança… ela vai sempre desejar brincar. Cabe a nós educar.

Como iremos educar sem colocar regras? O brasileiro só quer saber de direitos e não sabe o que é dever.

Criar o elo de amor entre o cidadão e sua pátria é fundamental. Não só no futebol… mas em todos os momentos. Proporcionar uma reflexão… até mesmo no momento de jogar um papel no chão da rua.

Como desintoxicar as crianças de um espírito deslocado do amor para com a sua pátria?

Engels desenvolveu isso na sua teoria do Marxismo Cultural, destruir nas crianças o patriotismo, família e por consequência a propriedade privada.

Mas não vou me estender… Concordamos que o “Lema” de campanha não deveria ser colocado na carta. Mas somente nisso concordamos.

Existe crianças que não sabem quantas estrelas existem na bandeira e seu significado, muito menos o que esta escrito nela. Mas sabem bem o que significa siglas como PT, PSOL, MST, etc.. e também reconhecem seus símbolos ou bandeiras.

O nacionalismo é a expressão ideológica da nação, é o conjunto de valores e crenças através dos quais a comunidade nacional se autodefine, distingue-se das demais e afirma interesses comuns.

As bandeiras que identificam as nações têm um significado profundo para os povos que a adotaram. O ato de hastear a bandeira de um país que tenha vencido uma competição, acompanhado da execução do hino nacional desperta fortes sentimentos, sejam nacionalistas ou não. E não existe ofensa maior que rasgar, queimar ou se apropriar da bandeira de um país inimigo ou adversário.

Porque achas que existe tanta dificuldade do povo venezuelano de livrar-se do ditador comunista em seu país? Porque preferem fugir ao ficar e lutar? Porque não existe uma união em torno do amor a pátria e a bandeira?

E, mais especificamente, tratando do âmbito educacional: o sistema educacional em vigor forma cidadãos, realmente? Cobra dos alunos a responsabilidade suficiente? Atribui-lhes tantos deveres, quanto direitos? E, com base nas respostas dessas últimas perguntas, podem ser feitos mais questionamentos: os alunos respeitam a si próprios, aos colegas, professores e às regras mínimas do convívio saudável?

Por: Luiz Salatino