fbpx

STF decide que Receita Federal pode compartilhar informações sigilosas com MP.

Por 8 votos a 3, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, nesta quinta-feira (28), autorizar o compartilhamento pela Receita Federal de informações bancárias e fiscais sigilosas com o Ministério Público e as polícias sem necessidade de autorização judicial.

Essas informações incluem extratos bancários e declarações de Imposto de Renda de contribuintes investigados.

O julgamento, que se iniciou na semana passada, foi retomado na tarde desta quinta. Ao todo, foram cinco sessões de julgamento.

Embora os ministros admitam o compartilhamento, houve divergência entre o relator Dias Toffoli e os demais em relação aos dados da Receita Federal e do antigo COAF, informa o portal G1.

1
Olá Salatino. Estou entrando em contato através do WhatsApp disponível em seu site luizsalatino.com.br. Desejo receber em primeira mão todas as notícias e informações relacionadas no seu site. Segue abaixo meu nome e minha cidade.
Powered by