fbpx

‘Travamento do país é péssimo para a saúde’, diz ministro da Saúde

“Não dá para chegar e dizer o que é essencial”, diz Mandetta.

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou, nesta terça-feira (24), que as restrições impostas pelos Estados são “péssimas” para o setor de saúde.

Ao sair do Palácio do Planalto, após conferência com governadores do Centro-Oeste e Sudeste, em Brasília, Mandetta declarou:

“Tem médicos fechando consultórios. Daqui a pouco estou lá cuidando de um vírus, mas cadê o pré-natal? Cadê o cara que está fazendo a quimioterapia?”

E acrescentou:

“Não dá para chegar e dizer o que é essencial. Se precisar de um mecânico para consertar uma ambulância, ele é o mais essencial naquele momento.”

O ministro disse ainda que medidas restritivas não devem atender motivações políticas, como ele tem visto em alguns casos:

“Tenho visto prefeitos com eleições na frente. Teve um que me ligou e falou que já tinha fechado mercearia, borracharia e açougue. Eu perguntei o porquê e ele me disse que o cara da oposição tinha dito na rádio que, se ele não fechasse, estava errado.”

Enquanto isso nos EUA o presidente Trump declara: “Perdemos milhares e milhares de pessoas por ano devido à gripe. Não desligamos o país”.

Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, afirmou, nesta terça-feira (24), que gostaria de reabrir a economia norte-americana para a Páscoa, marcada para o dia 12 de abril.

Em entrevista à emissora Fox News, após ser questionado até quando vai a quarentena por causa da pandemia do novo coronavírus, Trump declarou:

“A gente adoraria de abrir o país e já aproveitar a Páscoa.” 

O chefe da Casa Branca reiterou o argumento de que não deseja “desligar o país” e ver uma contínua queda econômica:

“Perdemos milhares e milhares de pessoas por ano devido à gripe. Não desligamos o país.”

Trump acrescentou: 

“Perdemos muito mais que isso em acidentes de automóvel. Nós não ligamos para as montadoras e pedimos para parar de fabricar carros. Temos que voltar a trabalhar.”

1
Olá Salatino. Estou entrando em contato através do WhatsApp disponível em seu site luizsalatino.com.br. Desejo receber em primeira mão todas as notícias e informações relacionadas no seu site. Segue abaixo meu nome e minha cidade.
Powered by